Pages

Subscribe

04/02/2010

A ÁGUA FLORESCE O AMOR


Estamos vivendo em tempos de estiagem de afetos, porque deixamos de regar a alma com a água purissima da fonte perene de benévolas energias do coração.

Percebo que há muito desertos e desolações, cada ser humano no seu canto vivendo sua solidão no meio de muitas pessoas.

O nascimento de uma civilização, na maioria dos casos, está ligado à presença da água: nascentes, riachos e rios... Lá onde a água corre, aparece a flora, depois a fauna e por fim, os seres humanos estabelecem a sua morada. E mais, graças à água, podem viajar e encontrar com outras pessoas, pois ela é um meio de comunicação.

Mas a água pode ser compreendida em diversos planos: ela também pode ser o amor. Quando não existe o amor, o que resta é a desertificação. Infelizmente, quando os seres humanos começam com uma empreitada no nível de relacionamento, raramente eles pensam que o amor deva se pronunciar.

C
ontam apenas com a sua organização. Pois bem, eles estão errados. Enquanto não houver o amor, que é o verdadeiro motor das coisas, não haverá vida. Mas, quando o amor aparece e comparece nas relações, mesmo que a organização falhe, pouco a pouco, tudo se organiza e começa a funcionar.

O
s desertos parecem não possuir vida. Mas se perfurarmos o solo numa determinada profundidade, nos surpreenderemos com fontes de cristalinas águas jorrando. Se soubermos cultivar, um campo de flores rico de amor pode milagrosamente florescer!

Assim, é o Amor... Cremos que em determinados corações, não haja vida. Mas se nos aprofundarmos neles, poderemos encontrar suas fontes luminosas de Amor transbordando. Em breve, poderão se transformar num campo fértil para o cultivo de maravilhosas flores...

O amor verdadeiro palpita fortemente em cada coração, amadurece na medida em regamos com a água da vida para florescê-lo, e assim podemos sentir esta vibração que acorda os sentidos mais sutis da alma. A única coisa necessária é regar com esta água para que o jardim esteja sempre florido.

É no jardim do coração que os rios correm, as flores desabrocham, os frutos amadurecem, as aves cantam em harmonia cósmica e os seres humanos vivem numa fraternidade especial.

Vamos confiar no poder de transformação do Amor?

Vamos lançar as sementes em nossos jardins?

E quem sabe, regando com água pura da fonte podemos florescer o amor latente em nossos corações.

Pense nisto!

"Um coração feliz é o resultado inevitável de um coração ardente de amor".


Paz e Bem!

Norma Villares

16 comentários:

Carolina Arêas disse...

Lindo, Norma!

Jorge disse...

Norma, meu anjo,

Nosso corpo é composto de 70% de água. E como você diz que água também é amor, o nosso próprio corpo também o é. Reflexo naturalmente da alma que, por ser filho de Deus, É Amor.

Linda mensagem, minha amiga!!!
Beijo!!
Jorge

Natálys disse...

SIMPLESMENTE MARAVILHOSO..

NOSSO CORPO TEM A MAIOR PERCENTAGEM... É AGUA...

MÃE GAIA É (NAVE AZUL--NAVE ÁGUA)

EM ÁGUA DE AMOR...

QUE O AMOR FLUA COM UM RIO ATÉ CHEGAR AO MAR...

AMOR UNO...

LINDO

BJ SOLAR

Anne Lieri disse...

Norma,a água é fonte de vida e ligada as emoções tb!Nada como um bom banho de mar para sentir-se leve como o vento!Amei seu texto,cheio de grandes ensinamentos!Sem o amor,somos pessoas secas,amarguradas!Muitolindo!Bjs e grata pela sua visita que muito me honrou!

Alma Inquieta disse...

Olá Norma!

Minha querida Amiga!

Agora deu para entenderes algumas coisas sobre mim!
Agradeço de coração as tuas palavras e o teu carinho!

Estou aqui para tomar um cafezinho feito na hora, com pão de queijo quentinho que me ofereceste!

Deixo-te um beijo enorme em forma de agradecimento!

Marcia disse...

Norma querida,
a água é a fonte da vida, e a vida é a maior reprentacao do amor. Belo texto.
Beijos com carinho.

Maroca disse...

Lindo texto. É verdade, estamos vivendo tempos de estiagem de afetos. Com certeza.
Beijinhos

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Norma
Tenho algum receio do futuro pelo que tenho visto por aí.
Tento ensinar valores a minha filha, para que ela cresça mirando na paz e no bem.
Passo a meus amigos um pouco de minha espiritualidade, dou palestras sobre bem viver.
Faço o que posso e ainda acho tão pouco...

Mas faço

Beijo

Riva disse...

Cada um fazendo a sua parte. Pena que muitos façam tão pouco. Ou, nada façam. Um abraço.

angela disse...

Lindo amiga.
Bonita analogia entre o amor e a agua, o solo, a vida.
beijos

Norma Villares disse...

Angela, é verdade que essa analogia faz parte da própria vida.

Riva, cada fazendo uma parte e o todo agradece.

Ana Cristina, você já está fazendo sua parte, parabéns.

Beijinhos

Norma Villares disse...

Maroca, grata pelo elogio.

Marcia, muito obrigada pela presença.

Alma Inquieta, que bom que voltou, estava com saudades.

Ana Liere, fui conhecer seu novo espaço, lindooooo.
Beijinhos

Norma Villares disse...

Jorge, meu bom amigo, grata pela gentileza.
Natalys, adorei sua visita.
Carolina, fiquei feliz em vê-la aqui.
Beijinhos

Hugo Cheng disse...

Que beleza de fonte. A vida precisa dessa água para abrir canais de afeto.
Bjs

Ebrael Shaddai disse...

A água lava, a água se acomoda e tudo de trsite se dilui, e tudo de bom se concentra nela.

Lindo texto!! Bjs!

J. Araújo disse...

Olá Norma, passei aqui para apreciar seus textos e desejar a vc um otima final de semana.

Bj

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...