Pages

Subscribe

20/04/2010

A OSTRA E A PÉROLA



"Uma ostra que não foi ferida não produz pérolas"...

As pérolas são feridas curadas, pérolas são produtos da dor, resultados da entrada de uma substância estranha ou indesejável no interior da ostra, como um parasita ou um grão de areia.

A parte interna da concha de uma ostra é uma substância lustrosa chamada nácar. Quando um grão de areia a penetra, as células do nácar começam a trabalhar e cobrem o grão de areia com camadas e mais camadas, para proteger o corpo indefeso da ostra.

Como resultado, uma linda pérola é formada. Uma ostra que não foi ferida, de algum modo, não produz pérolas, pois a pérola é uma ferida cicatrizada...

Você já se sentiu ferido pelas palavras rudes de um amigo?

Já foi acusado de ter dito coisas que não disse?

Suas idéias já foram rejeitadas, ou mal interpretadas?

Você já sofreu os duros golpes do preconceito?

Já recebeu o troco da indiferença?

Então, produza uma pérola !!!

Cubra suas mágoas com várias camadas de amor.

Infelizmente, são poucas as pessoas que se interessam por esse tipo de movimento. A maioria aprende apenas a cultivar ressentimentos, deixando as feridas abertas, alimentando-as com vários tipos de sentimentos pequenos e, portanto, não permitindo que cicatrizem.

Assim, na prática, o que vemos são muitas "ostras" vazias, não porque não tenham sido feridas, mas porque não souberam perdoar, compreender e transformar a dor em amor.

Um sorriso fala mais que mil palavras... (autor desconhecido).

Grande abraço!

11 comentários:

Meri Pellens disse...

Nossa! Que lindo texto. É algo a se aprender realmente.
Bjos na alma...

Uman disse...

Norma, minha amiga,
lindo texto.
Apenas que para não carregar ressentimentos, naõ basta perdoar erros alheios, mas principalmente saber se perdoar. Afinal, para aprendermos a não dar valor excessivo às situaçoes externas, é necessário conhecermo-nos para saber o nosso potencial interno e trabalhar isso, pois o nosso limite é muito mais amplo do que se supõe aquele que não se conhece.

Anjo Luz, como sempre, um beijo, de coração!!
Jorge

Lady disse...

Olá!
Que bela mensagem!
Eu cubro todos os meus dias e tudo o que me cerca com muitas camadas de amor sempre.
Tenha uma ótima tarde.
Bj

Srtª Bêêh disse...

Lindo, Norma!!
Realmente... És grande aquele que sabe se alimentar de sentimentos belos em meio ao descaso.
Algo que jamais devemos nos esquecer.

Saudades das suas palavras... *-*

Srtª Bêêh

IVANCEZAR disse...

De fato, Norma , somos educados para o combate ... aliás, há uma cultura cada vez mais focada na retaliação: - "bateu -levou " - e essa sua mensagem exalta a PAZ , o perdão , a compreensão ; sentimentos distantes do modelo atual . Um belo post.

manuel marques disse...

Obrigado pela partilha deste lindíssimo texto.

Beijo.

Lívia Luz disse...

Muito bonita postagem. Devemos alimentar de sentimentos bons.
Beijos

Beatriz Prestes disse...

Maravilhoso texto!
Para refletirmos...olharmos para dentro, nos transformarmos!
Adorei!
Beijo carinhoso querida
Bea

Marcos Takata disse...

Namaste
Belo tema. É muito interessante perceber e sentir sentimentos nobres.
Biju

Psiquismo Desmistificado disse...

Querida Norma,
Essa história tão singela contém uma verdade tão ligada à nossa existência.
Existimos porque precisamos evoluir, precisamo corrigir nossas falhas.
Eu acredito que não sejamos as ostras. Acredito que somos grãos de areia. Sendo grãos de areia podemos nos permitir que o nácar da vida nos transforme em pérolas.
Ou simplesmente seguiremos nossa vida como grãos de areia.
Grande abraço fraternal.
Muita luz

CLARIVIDENTES DA REALIDADE disse...

Muito bonita a mensagem que esse texto encerra,acho que sempre devemos tranformar em pérolasassituações pelas quais muitas vezes passamos na trajetória dessa existência...
Muito bom!
um abraço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...