Pages

Subscribe

09/11/2009

O CAMINHO DO CORAÇÃO


"Qualquer caminho é apenas um caminho e não constitui insulto algum - para si mesmo ou para os outros - abandoná-lo quando assim ordena o seu coração. Olhe cada caminho com cuidado e atenção. Tente-o tantas vezes quantas julgar necessárias... Então, faça a si mesmo e, apenas a si mesmo uma pergunta:

Possui esse caminho um coração?
Em caso afirmativo, o caminho é bom.

Caso contrário, esse caminho não possui importância alguma." Carlos Castañeda.

Essa verdade devia estar impregnada na alma de cada caminheiro. A verdadeira compreensão deve iniciar no CORAÇÃO, pois somente a trilha cordial possui a valentia do AMOR, e somente esse sentimento pode abrir as portas da prisão pessoal.

Queixam-se do amor, sem disponibilizar a doação de amor, porque uma crença limitante obstrui o canal em direção ao Amor. Muitas vezes esse canal está entupido de crenças obsoletas, cristalizadas noutra crença limitante de carência eterna. E ninguém pode preencher o buraco das necessidades de um coração vazio, atormentado e doente pela carência do amor.

Somente uma decisão pessoal de amar a si mesmo, com a ajuda do auto-conhecimento, de uma auto-estima elevada, pode re-encantar e fazer brilhar o caminho do coração.

Por isso, dê o que tem, sem tentar dar o que não tem. Se insistir desgastará os relacionamentos de sua vida e verá como consequência apenas frustações e dissimulação.

Melhor seria dizer abertamente e francamente:
- Eu não te amo.

E dizer:
- Eu quero ser amado.

Pelo menos estaria sendo autentico consigo mesmo e com o outro. Informando que nesse estágio existencial ainda não tem habilidade para doar amor. É um bom início para se relacionar. Se erigir o presente com esta compreensão todos os relacionamentos perdurarão por tempos imemoriais.

O resto é só abrir os campos para possibilidades de crescimento e de amadurecimento pessoal. Pois, com autenticidade e inteireza poderá realizar o que tem de melhor n'alma, que é a nobreza de AMAR.

Assim, seguindo o perfume exalado pelas trilhas do coração, poderá encontrar...

E se seguirmos esse caminho, com certeza teremos a alegria de ver crescer a LINDA FLOR do caminho do coração.

E se quisermos ou não quisermos um dia encontraremos o Amor. É uma condição fatal!

E no mais...

Sorria a vida é Bela!

................................................... x ..........................................................


Hoje, 9 de novembro de 2009, completa 20 anos da queda do muro de Berlim é universalmente interpretada como o fim da guerra fria e a vitória do capitalismo e da democracia liberal.

Clica e veja a notícia no outro blog "Sem Fronteiras para o Sagrado".



29 comentários:

Hugo Cheng disse...

Namasté Amiga, essa verdade devia mesmo, estar marcada na mente. Castanheda disse tudo, o "caminho do coração", e você falou profundo "valentia do amor". Sim, se amamos somos valentes. E abrimos todas as portas da prisão pessoal.
Bom!
Bjs

Helena Rocha disse...

OI td bem??? eu sou Helena adorei seu blog e seu post tbém, realmente deveria estar no coração, mente e consciência de cada um.
bjússs
parabénsss fiku t esperandú di volta lá no meu blog.
inté++++
Lena

Norma Villares disse...

Obrigada Hugo pela presença nesse blog.
Pois, é devia estar impregnada essa força do Amor, nas mentes e corações.
Um grande abraço

Norma Villares disse...

Olá Helena, é um grande prazer vê-la em blog.
Com certeza devia estar no coração, mente e consciência de cada um.
Beijos no coração

Kelly disse...

Muito importante a lembrança da queda do muro de Berlim, foium marco histórico e que deix muitas lições para a humanidade.
grande beijo

Norma Villares disse...

Kelly muito obrigada pela visita e comentário.
Essa notícia eu coloquei noutro blog.
um grande abraço

Viveka disse...

Namasté Amiga
Castanheda como sempre, foi muito feliz nessa frase do 'caminho do coração'.
Precisamos mesmo, aprender ter "valentia do amor". Beijinhos

Julimar Murat disse...

Oi Norma

pena que só o tempo nos revela essas verdades. O importante é que ele nos apresenta inúmeras possibilidades de descobrirmos o caminho a seguir, mesmo que as primeiras tentativas não sejam as mais acertadas, mas sempre Há tempo de nos corrigirmos.

Beijos

A.T. voce recebeu meu email??

julimar

Norma Villares disse...

Julimar fico em vê-la aqui.
O tempo é um ensino que trás sabedoria. Como a idade vai trazendo maturidade.
Recebi, estou aprontando a postagem, vou escrever pra você.
Um grande abraço

Norma Villares disse...

Viveka que bom estar aqui conosco.
Eu gosto muito de Castanheda, os ensinos são de grande sabedoria.
Abraços

angela disse...

Norma
Lindas palavras e sabias também.
beijos

Norma Villares disse...

Angela você sempre atenciosa, muito obrigada amiga. Um grande abraço

REGINA GOULART SANTOS disse...

É bem verdade, querida Norma Villares.
Pobres daqueles que nada têm para oferecer, por serem vazios de amor, um coração perdido em si mesmo, oco por dentro, ausentes dos mais nobres sentimentos.
O autocohecimento, leva a auto-estima, que antes de gostar de alguém, deve-se primeiro gostar de si mesmo.
Você querida, levantou uma questão bem séria, de dar o que tem e não o que não tem.
A resposta se encontra no interior de cada um, e muitas vezes, caberá a própria pessoa descobrir os segredos de seu coração.
A vida é assim, cada um dá o que tem, e muitas vezes, recebe muito mais do que dá, por justamente, não ser capaz de dar além de não saber dar o devido valor ao que recebe.
Precisamos às vezes testar novas opiniões e atrair novas impressões.
Que a paz esteja contida em todos os corações, de forma especial, pessoal, sincera, e a partir daí, haverá um transbordamento de doação de amor, em todas as formas que se apresenta.
Belo texto para reflexões.

Muitos beijos.

Norma Villares disse...

Regina, muito obrigada pelo comentário.

Pobres são aqueles que nada têm para oferecer, porque estão com a BOCA ESCANCARADA... ABERTA... CHEIA DE DENTES ESPERANDO A MORTE CHEGAR, risos. E ninguém pode preencher esse vazio. Ninguém.

Outra questão é querer dar O QUE NÃO TEM, ao invés de ser sincero e tentar DAR O QUE TEM. Parte da imagem idealizada e não do seu EU REAL.
Aí está o grave problema.
E ainda tem àqueles que não valorizam o que recebem, outro grave problema.
São tantas segredos e serem descobertos nessa área, risos.
Sigamos...
Um grande abraço

Maroca disse...

Que bom, o tema aumentou aqui nos comentários. Muito bom.
Na verdade vc levantou questões sérias, vou falar só de uma.
Não diga:
Eu te amo
Mas diga:
Eu quero ser amado.

Essa é uma questão para reflexao, pois a maioria dos seres humanos não amam, querem ser amados. Por isso tantos divórcios.
Essa é a minha contribuição.
Beijijnhos

Unknown man disse...

Norma,
A vida é feita de escolhas. Se colocamos o coração no que queremos, estaremos no caminho certo.
É que sentimos com a cabeça, quando devemos pensar com o coração.

Beijo,
Uman

Norma Villares disse...

Maroca tô gostando de ver...
São questões para adulto refletir.
Excelente contribuição Maroca. O AMOR é para maduros, e só aprendemos mais velhos.
Beijijnhos

Norma Villares disse...

Unknown man obrigada pela presença.
E numa dessas escolhas devemos preferir o AMOR. Boa colocação.
Beijinhos

Carmem L Vilanova disse...

Querida Norma,
A cada dia estou a ficar mais "mal acostumada" com tuas mensagens sempre tao prazerosas, tao lindas e com tanto a ensinar-nos!
Simplesmente adoro esta frase de Castañeda que li ha' muitos anos, e que depois de tanto guarda-la na memoria, consegui outro livro igual para voltar a ler completamente ate' encontrar esta frase especifica que significa muitissimo para mim.. pois para mim traduz uma realidade em nossas vidas!
Muitos beijos, flores e sorrisos... sempre!!

Eu Sei Que Vou Te Amar
Viver Integral

Norma Villares disse...

Querida Carmem, eu agradeço sua gentileza e as belas palavras, o seu blog também é muito bom, por isso fiz referências acerca dele.
É verdade, o caminho do coração deve ser um lema para nossas vidas.
Beijos poéticos

Marcos Takata disse...

Concordo com todos os comentários, você levantou questões profundas para reflexão, vou levar pra casa.
Bijus

Sassá Luz disse...

Querida,
Cada postagem melhor que outra, eu tb conhecia essa frase de Castaneda, mas seu enfoque deu brilho.
beijinhossssssssssssssssss

Anne Lieri disse...

Lindo texto,Norma!Se fazemos as coisas com o coração as pessoas percebem porque passamos nossa felicidade em faze-lo.Caso contrário,não!Tudo é em vão e melhor mesmo não fazer!Adorei o que escreveu!Bjs,

O Profeta disse...

Não sei quem vence!
Não sei quem leva a melhor
Só sei que um sorriso teu
Fez desabrochar das pedra uma flor

Com ela teci um tapete
Engalanei a sombra dos teus passos
Escrevi um derradeiro pedido numa pétala
Rogando a infinita ternura dos teus abraços



Doce beijo

Norma Villares disse...

Marcos sempre é bom lembrar, né.
Pode levar pra casa e fazer uma boa reflexão.
Um grande abraço

Norma Villares disse...

* Sarah querida, que bom que você avhou isso.

* Ana Liere, se fizernos as coisas com o coração estamos seguindo o bom caminho.
Obrigada, um grande abraço

Norma Villares disse...

O Profeta,
Que bom vê-lo aqui, agradeço.

Eu sei quem vence
O coração
Esse é o vencedor.

Um grande abraço

Ianê Mello disse...

Belíssimo texto, Norma.

Seu espaço transmite muita paz e amor, portanto, estás cumprindo seu objetivo: "Nada faz sentido neste mundo se não tocamos o coração de uma pessoa'".

Você tocou o meu. Obrigada.

Estarei sempre por aqui.

Grande beijo.

Norma Villares disse...

Muito obrigadad IANÊ pela presença, vou visitar.
Um grande abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...