Pages

Subscribe

19/12/2009

PAX !

Pax!


Certa vez, um amigo espiritual me disse:


- “Filho, amor é algo para se dar, não para se receber.”

Naqueles dias, nós todos, que recebemos com pouco entendimento a fala do querido mentor, nos debatíamos na tentativa de compreender a essência de uma fala tão simples e ao mesmo tempo tão inalcançável no atual estágio.


Os anos se passaram e, mormente tenhamos a nítida certeza de que ainda não apreendemos o claro significado da singela frase, parece que a cada ciclo que se encerra absorvemos mais um fragmento dessa compreensão.


Levamos quase metade de nossa existência para aprender a controlar o corpo a um nível aceitável de convivência e arrumar as nossas vidas nas questões práticas. Atravessamos uma série de lesões, desenvolvemos sintomas e temores, entramos no luto pelas muitas “mortes” que nos visitaram ao longo da estrada e, não raro, fizemos nossa caminhada tendo chuva em nossos olhos. Do início ao fim, a nossa busca foi e ainda é o Amor...


Entretanto, mesmo compreendendo a inegável legitimidade dessa busca, dou-me conta de que, na tentativa de encontrá-lo, nossa maior frustração advém do fato de que o procuramos nas pessoas, no sentido de que o nosso desejo é de encontrarmos alguém que nos ame, que nos ajude, que tenha compaixão de nós, que nos acolha nas horas difíceis, que nos ouça, que nos faça felizes e que nos complete enquanto amigos, amantes e seres. Temos buscado amor sim, mas no sentido de saciar nossa fome e sede de alma e existência. Essa busca é do ego e nos encaminha para o apego, para a posse e para a perda.


Talvez se, junto a essa procura, pudéssemos agregar o desejo de amar alguém pelo ato de amar, ajudar alguém pelo amor ao bem, nos compadecermos de alguém, estendendo-lhe a caridade, acolher alguém em suas épocas áridas e felicitar alguém que vagasse na desesperança, a nossa estrada fosse mais rica de trocas e a chuva visitaria nossos olhos apenas nos momentos de alegria, pois estaríamos a um passo de nos transformarmos em mensageiros do Senhor.


Não haveria solidões irremediáveis nem temores intransponíveis. Ungidos na inspiração Crística de amor às criaturas, estaríamos um passo adiante na tarefa de evoluir e auxiliar a evoluir e, ainda na Terra, poderíamos desfrutar do reino dos Céus com profunda serenidade e pacificação.


O ouro de nossos bolsos nos traria o conforto necessário, mas o outro não precisaria sofrer a privação desnecessária quando, bem ao lado, existe fartura e abastança. Não seria preciso dividir o tempo, posto que nossos sentimentos nos direcionariam para todas as coisas realmente importantes de serem feitas, sem prejuízo e sem sensação de sacrifício.


Em uma única existência cabem oportunidades suficientes para realizar um enorme bem para a humanidade e, por conseqüência, para nós mesmos. Às vezes esquecemos que somos irmãos uns dos outros, sobretudo quando as máscaras da carne e das condutas desviadas nos distanciam dos outros por medo, desprezo ou indiferença. A celebração de Cristo em nós não precisa ser restrita aos familiares e aos brilhos natalinos. Nossas auras se estiverem amorosas, terão mil vezes o brilho da mais linda árvore de natal. Desejamos coisas na substituição do amor que queremos, porque, em vão, acreditamos que elas nos trarão felicidade, quando são apenas capazes de nos proporcionar provisório contentamento.


Se quisermos amor, precisamos dá-lo indistintamente, pois “amor é algo para se dar, não para se receber”.


Paz imorredoura a todos os Seres,


Recebi esta mensagem de meu senciente amigo Francisco Masan, e achei bonita e com força para reflexões profundas, por isso estou postando aqui no blog.



Neste Natal deixe o Mestre do Amor pousar em seu coração.


Lembre-se de suas falas:


Eu vos trouxe a minha Paz,

Eu vos deixo a minha Paz!



25 comentários:

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Ai, ai, a carapuça me serviu direitinho.
Já me disse que tentarei melhorar a cada ano. Aos poucos vou conseguindo, a vida é uma lenta caminhada de aprendizado né?

Obrigada por essas palavras, calaram meu coração

Fica na Paz!

Norma Villares disse...

Eu também gostei muito para fazer uma reflexão no ano de 2010.
Sublimes abraços

tereza ferraz disse...

Palavra dita, sábias palavras.
Feliz Natal Querida Amiga, pleno de Amor & Luz.
Bjs no coração
Paz Profunda

Norma Villares disse...

Realmente são sábias palavras, eu gosto muito de Francisco Masan.
Paz e Luz em seu caminhos
Sublimes abraços

Carlos Nascimento disse...

Olá!
Agradeço pela sua visita e pelas lindas palavras escritas.
Tenha também um Natal de alegrias e um 2010 com muita Paz.
Saudações Ecológicas

Viveka disse...

Namasté,
Belas palavras de luz que trazem consciência.
Muita Paz
Beijinhos

Unknown man disse...

Norma,

Buscamos fora o que está dentro. Parece que buscamos a paz no sentido contrário. Como ir até alguém sem a paz conquistada em nós mesmos?
É um texto para reflexão e no momento certo.

Norma, minha amiga, desejo que 2010 brilhe intensamente neste teu coração já iluminado!!!

E um Natal de muita alegria no coração!

Uman

Unknown man disse...

Norma
___________________Paz
__________________União
_________________Alegrias
________________Esperanças
_______________Amor.Sucesso
______________Realizações★Luz
_____________Respeito★harmonia
____________Saúde★..solidariedade
___________Felicidade ★...Humildade
__________Confraternização ★..Pureza
_________Amizade ★Sabedoria★.Perdão
________Igualdade★Liberdade.Boa-.sorte
_______Sinceridade★Estima★.Fraternidade
______Equilíbrio★Dignidade★...Benevolência
_____Fé★Bondade_Paciência..Gratidão_Força
____Tenacidade★Prosperidade_.Reconhecimento
(¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´×(¨`•.•´¨)
(¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´×(¨`•.•´¨)
CAMPANHA: VAMOS FAZER ESTA ÁRVORE CIRCULAR
NOSSO ATÉ O FIM DO ANO PARA ENERGIZAR 2010!!!
PARTICIPE VOCÊ TAMBÉM ENVIE PARA AMIGOS
QUE VOCÊ CONSIDERA ESPECIAL.

Marcia disse...

Norminha,
Belas e sábias palavras; mas como duros nao é??? para compreender finalmente que o amor é algo para dar e nao receber, é amar até doer... é altruísmo, é se dar, é nao olhar as diferencas, é chorar com o outro e se alegrar com suas alegrias.
Parabéns por nos proporcionar esta maravilhosa leitura.
Quero me esforcar o máximo que eu puder para por em prática. Deus nos ajude. Que o colorido, o brilho e a textura das coisas que nossos olhos veem, nao ludibriem nossa alma.
Te desejo luz, paz, harmonia, amor, alegrias, FELIZ NATAL e UM 2010 muito próspero em todos os sentidos.
Beijos e bom fim de semana!

Marcia disse...

Correcao
Oi Norma, relendo o comentário percebi que faltou uma palavra na frase: "mas como SOMOS duros nao é???
Bjs

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga.

O amor é muito amplo diante da nossa curta existência e rápida passagem pela vida.

Então cada página de amor aprendida deve ser colocada em prática , para que o máximo do seu sentido seja extraído.

Que o Natal reafirme em ti a certeza:
Não somos parte do amor,
somos o próprio amor.
Que possamos envolver nossas famílias, amigos e humanidade com a força deste sentimento.

Estrelas de paz brilhem em ti.

Sônia Silvino disse...

Norma!
Texto muito lindo!
Que o Natal seja esplendoroso e que 2010 venha cheinho de ideias no teu blog para que possamos nos deliciar com o teu talento, minha amiga!

angela disse...

Um texto muit bom, reflexivo, instigante e lindo.
beijos

Norma Villares disse...

Unknown man disse...
Que linda Árvore de Natal!
Muito obrigada pelo votos.
Luz pra sua vida também
Sublimes abraços

Norma Villares disse...

Viveka, muita luz pra sua vida tambem.
Sublimes abraços

Norma Villares disse...

Marcia, realmente SER DUROS consigo mesmo, faz parte do caminho. Mas chega uma hora que aprendemos a lição...
Obrigada pelo comentário
Sublimes abraços

Norma Villares disse...

Aluisio,
Este é um aprendizado que temos obrigação de construir.
O Amor amplia nossa vida, enlarguece nosso campo de atuação.
Muito obrigada pelo comentário
Sublimes abraços

Norma Villares disse...

* Sonia, sempre bom ler textos como estes.

* Angela, euy também acho muito reflexivo,.

Muito obrigada pelo comentário.
Sublimes abraços

Karlota disse...

Que venham do alto as luzes, a paz e amor! Que se formem aqui mesmo a esperança, os sonhos, a fé! Que a busca de uma vida feliz não pare!
Que desapareçam o desânimo, a tristeza, o pessimismo, a injustiça e os fantasmas internos!
Que o futuro, pleno de ralizações máximas, se torne presente; que as frustrações se tornem passado...
Que haja beijos e abraços até ultrapassarem os limites...

FELIZ NATAL E MARAVILHOSO ANO DE 2010!

Norma Villares disse...

Muito obrigada Carlota, que venha em dobro pra você.
Sublimes abraços

Padma Shanti disse...

Amei este texto, de profunda reflexão, obrigada querida por compartilhar...
Aproveito pra desejar um Feliz Natal em seu coração em todos os dias de 2010, com muito amor, paz e harmonia em sua vida...
Beijos, namastê!

Palazzo disse...

Parabéns Norma, belo texto.
assimilemos.
abçs

Norma Villares disse...

Palazzo muito obrigada pela visita e comentário.
Sublimes abraços

Norma Villares disse...

Padma,
É verdade e o tempo é chegado, temos que fazer profundas reflexões mesmo.
Abraços sublimes

Maroca disse...

Norma querida amiga,
Francisco Masan é muito bom, sempre que assisto as palestras dele me emociono. Além de ser lindo, passa muita paz.
Muito bonita esta mensagem.

Quero desejar um Natal pleno de paz, amor, harmopnia, saúde e vida.
Beijinhos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...