Pages

Subscribe

29/07/2011

Quero...


Quero viver a simplicidade voluntária dentro dessa complexidade natural. Quero viver meu projeto de vida limitada numa outra vida ilimitada. Quero perceber a navegação do meu tempo ilimitado dentro do aquário da limitação. Quero compreender o incompreensível... batendo na porta da percepção profunda. Quero escutar apenas os sussurros da natureza. Quero silenciar da matéria ilusória e efêmera ao ponto de fundir na espiral cósmica. E na retirada encontrar seus olhos benevolentes de justiça e soberano amor... Eu quero... Eu quero... Eu posso...

23/07/2011

A FACE RUBRA DO ADEUS

(fotografia Norma Villares)



O
amor chora lágrimas cristalinas
derretidas em céu e arco-iris
Faz uma pausa para eternidade
E não existe fita branca para descolorir
a face rubra do adeus.
Chora vertente em píncaros sentidos
Amar e chorar é tragédia destilada
na humana existência.
Adeus chegou a hora...
Só nos resta.
Adeus...

Norma Villares
23.07.2011


15/07/2011

FELIZ DIAS DOS HOMENS !!!

A todos os homens da blogosfera, eu desejo um Feliz dia dos HOMENS! Amigos, hoje é o dia internacional dos homens. O que seria das mulheres sem esses maravilhosos seres especiais "HOMENS". Que bom que vocês existem. Monte de abraços e beijos pra vocês. Curtam seu dia muito bem!

E para não perder o costume, eu encontrei essas charges e dei muitas risadas. Será que a guerra dos sexos vai ter fim um dia, risos. Nós somos diferentes demais, é pra desopilar o fígado, viu pessoal. soltte seu sorriso no ar, e relaxe. Beijos









Fonte da imagem: http://clubekzam.atrativa.com.br/player/gill%2521%2521/blog/407179:

09/07/2011

Doce Pétalas...


A tona desce a lágrima sentida.

Florescem doces pétalas de amor,

inspirado no coração ardente.

Corre deitada na face rubra

em sorriso perfumado.

Beija o lótus de magnífica beleza.

Abre o lírico fosso d’alma sentida

por todas dores do mundo tão choradas.

Norma Villares

01.07.2011


08/07/2011

A Introdução cantada do Hino Nacional


Espera o Brasil que todos cumprais com o vosso dever
Eia! avante, brasileiros! Sempre avante
Gravai com buril nos pátrios anais o vosso poder
Eia! avante, brasileiros! Sempre avante

Servi o Brasil sem esmorecer, com ânimo audaz
Cumpri o dever na guerra e na paz
À sombra da lei, à brisa gentil
O lábaro erguei do belo Brasil
Eia sus*, oh sus!





Descobriram que letra é essa? Pois, pois... é a introdução do Hino Nacional. Essa eu não sabia, porque a minha geração cantava o Hino Nacional sem a correspectiva introdução. Há pouco tempo eu fiquei sabendo que a parte instrumental da introdução do Hino Nacional Brasileiro possuía uma letra. E foi totalmente excluída da versão oficial do hino. Essa letra é atribuída a Américo de Moura, natural de Pindamonhangaba, presidente da província do Rio de Janeiro nos anos de 1879 e 1880. Em 17 de novembro de 2009, o cantor Eliezer Setton lançou um CD, intitulado "Hinos à Paisana", das quais uma das faixas é do Hino Nacional Brasileiro com essa introdução cantada. E a letra é bonita, segue abaixo:


Nosso país não tem comprometimento com a memória, pois essa introdução faz parte da história do Brasil. Gente, fica um pouco de nossa memória, para ajudar no civismo. Grande abraço a todos blogueiros.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...